70 mm de chuva devem afetar atividades agrícolas; confira a previsão

Publicidade

clima, nuvem, tempestade

Confira a previsão do tempo para esta sexta-feira (19) em todas as regiões do Brasil.

Sul

A previsão para sexta indica maior cobertura de nuvens no leste do Rio Grande do Sul e Santa Catarina, enquanto nas outras localidades espera-se um dia ensolarado. Não são esperados acumulados de chuva para hoje.

No Paraná, a colheita do feijão-comum cores foi recentemente iniciada, mas a maioria das plantações ainda está em fase de floração e enchimento de grãos. Apesar do início mais seco, com registros de estiagem em algumas áreas, abril teve chuvas significativas a partir da segunda metade do mês, beneficiando várias regiões do estado. Como resultado, a maioria das plantações está em boas condições, com exceção de algumas áreas que foram afetadas por condições climáticas adversas ou casos pontuais de doenças fúngicas, como a antracnose.

O clima está favorável para as atividades no campo, e o frio ainda persiste na região, havendo possibilidade de geada apenas na serra catarinense.

Sudeste

O dia deve ser de estabilidade climática, sem chuvas significativas, com maior nebulosidade apenas no Espírito Santo e Rio de Janeiro. Vale ressaltar que o ar frio ainda prevalece na região, resultando em temperaturas mínimas de 2 ºC a 4 ºC em São Paulo, região serrana do Rio de Janeiro e sul de Minas Gerais, com baixo risco de ocorrência de geada fraca.

Em Minas Gerais, a semeadura do feijão-comum cores foi concluída no início de abril. No geral, a maioria das plantações está em fase de floração e enchimento de grãos, uma vez que as condições gerais são consideradas muito favoráveis para a cultura. As chuvas no último mês foram bastante satisfatórias, o que foi suficiente para recuperar o potencial das plantações que foram previamente afetadas pela falta de umidade do solo em alguns municípios do noroeste, Alto Paranaíba e leste do estado.

Centro-Oeste

A previsão do tempo para sexta-feira na região centro-oeste do Brasil indica predominância de sol na maioria das regiões, com nebulosidade apenas em Mato Grosso do Sul. É importante destacar que o ar frio ainda persiste na parte sul da região, resultando em temperaturas mínimas de 8 ºC a 10 ºC em Mato Grosso do Sul e sul de Goiás. Durante o dia, espera-se calor intenso, com máximas podendo chegar a 33 ºC a 34 ºC em Goiás e Mato Grosso. Devido à baixa umidade relativa do ar, é necessário ficar atento à hidratação ao longo do dia.

Em Mato Grosso do Sul, o clima no estado é tradicionalmente favorável ao feijão nesta época de segunda safra, com chuvas no início do ciclo que garantem umidade do solo por um período prolongado, diminuindo à medida que a cultura se aproxima da colheita.

No geral, as plantações estão apresentando um excelente desenvolvimento, com ocorrências pontuais de ataques de lagartas e percevejos. Os produtores devem aproveitar esse período de clima estável para realizar a pulverização nas áreas afetadas.

Nordeste

A previsão do tempo para sexta-feira na região nordeste do Brasil indica ocorrência de chuvas no centro-norte do Maranhão, centro-norte do Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, litoral de Sergipe e Alagoas, com acumulados variando entre 20 a 40 mm. Nas demais áreas, espera-se tempo estável. Na Bahia, as plantações de feijão-comum cores continuam apresentando um bom desenvolvimento, mesmo diante da escassez de chuvas registrada em diversas regiões do estado no último mês. A presença de uma grande quantidade de áreas irrigadas tem amenizado essa redução das precipitações.

Norte

A previsão do tempo para sexta-feira na região norte do Brasil indica a ocorrência de chuvas intensas na faixa norte do Pará, com volumes que podem atingir 70 mm ao longo do dia, causando transtornos nas atividades agrícolas. Nas regiões leste de Rondônia, sul do Pará e estado do Tocantins, espera-se um clima mais estável. Nas outras áreas, são esperadas chuvas entre 10 a 30 mm ao longo do dia, intercaladas com períodos de melhoria, o que contribui para a manutenção da umidade do solo.

No Tocantins, o feijão caupi nas áreas de sequeiro e irrigadas está apresentando lavouras em condições satisfatórias. O plantio ainda não está concluído, uma vez que as áreas irrigadas são cultivadas em um período mais tardio. A perspectiva é otimista para uma produção abundante e de excelente qualidade, uma vez que grande parte dos grãos é destinada à exportação.

_______

Canal Rural Clima: ouça o podcast sobre previsão do tempo e curiosidades meteorológicas. Apresentação de Pryscilla Paiva.

_______

Saiba em primeira mão informações sobre agricultura, pecuária, economia e previsão do tempo. Clique aqui e siga o Canal Rural no Google News.

Popular