Confira as mudanças no uso do VAR em impedimentos e outras determinações para o Campeonato Inglês

spot_img

Anúncios

A Premier League retorna nesta sexta-feira e promete a mesma emoção, competitividade e aquele futebol de qualidade que todos conhecem. No entanto, há algumas mudanças que irão ocorrer nesta nova temporada em relação a 2020/2021 em alguns pontos relacionados a arbitragem, como o VAR, o impedimento, a marcação de pênaltis e a questão da mão na bola.

Tá ou não tá impedido?

Na última temporada do Campeonato Inglês, os lances de impedimento eram analisados pelo VAR da seguinte maneira: o árbitro de vídeo traçava duas linhas, uma para o defensor e outra para o atacante, e a partir destas marcações determinava se um atleta estava ou não à frente do seu marcador. Até mesmo se fosse por um pedaço do dedão do pé.

Neste ano, a regra será diferente. Caso estas duas linhas traçadas pelo VAR se toquem, mesmo que o atacante esteja com alguma parte do corpo à frente do defensor, ou se sobreponham, a jogada irá seguir. Em números, um lance deve ser considerado legal mesmo onde haja cerca de cinco centímetros de vantagem ao atleta ofensivo.

– No impedimento, reintroduziremos o benefício da dúvida ao jogador de ataque. Portanto, se as unhas dos pés, o nariz dos jogadores estiverem impedidos; eles estariam (irregulares) na temporada passada, mas não estarão na atual – disse Mike Riley, chefe de arbitragem da Premier League.

Além disso, o público que estiver assistindo ao jogo não irá assistir os árbitros movendo as linhas para traçar o impedimento, pois a medida se tornou confusa. Os torcedores verão apenas o resultado final em suas televisões.

veja a diferença observando o lance abaixo:

Como era (impedimento)

Divulgação / Premier League

Como será agora (gol válido)

Divulgação / Premier League

Volta a marcação instântanea

Para finalizar as novidades sobre a regra do impedimento, os bandeirinhas foram instruídos a levantar rapidamente seus instrumentos de trabalho em lances em que um atacante esteja claramente adiantado em relação a linha de defensores para reduzir a frustração em jogadas que tiveram prosseguimento e depois foram anuladas. A medida também pode reduzir o risco de uma lesão.

Faltas e pênaltis com mais rigor

Na última temporada, a Premier League contou com 125 cobranças de pênaltis, mas em 2021/2022 esse número deve ser reduzido. Segundo Riley, o árbitro deverá analisar alguns fatores nos choques entre atletas adversários, como a força do contato, a intenção do atleta de defesa e de ataque. O objetivo é deixar o jogo mais fluido.

– Queremos que a abordagem seja aquela que melhor permita que os jogos da Premier League fluam e faça com que a equipe de arbitragem não intervenha em lances triviais. Vamos criar uma partida com mais fluxo. O contato por si só é apenas uma parte do que os árbitros devem buscam; considerar a consequência e a motivação do jogador também.

Com isso, há quatro pontos importantes a serem destacados:

1) O contato por si só não é suficiente (para a marcação de faltas ou pênaltis)
2) O árbitro deve observar se há um contato claro
3) O árbitro deve se perguntar se o contato do defensor trouxe alguma consequência
4) O árbitro deve observar e julgar se o atacante usou o contato para tentar ganhar uma falta ou um pênalti

Bola na mão do atacante

Na última temporada, um gol era anulado caso houvesse um toque com a mão ou braço na bola pelo autor do tento ou pelo criador da jogada. Neste ano, um gol só será considerado irregular caso a bola toque na mão ou no braço do atacante e ele marque um gol imediatamente. A intenção, neste caso, não importa.

No entanto, caso um atleta esteja fazendo uma jogada e a bola bata acidentalmente em sua mão ou braço e sobre para um companheiro de equipe, como se fosse um passe, que marque o gol, o tento será validado.

Bola na mão do defensor

A regra da mão na bola do defensor também foi alterada para tentar reduzir o número de marcações de pênaltis. Com isso, o árbitro deve julgar se o atleta, antes da bola tocar em sua mão ou braço, realizava um movimento natural com o corpo ou não. Uma penalidade só deve ser assinalada, caso o defensor amplie seu espaço com o braço muito afastado de seu corpo.

São muitas novidades para a nova temporada que se inicia nesta sexta-feira e junto delas, muitas polêmicas devem aparecer durante a competição. Diversas jogadas passaram a ser julgadas na ótica da subjetividade, mas as novas determinações estão na mesa com o objetivo de tornar o jogo mais jogado e com menos paralisações.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: Twitter, Instagram e Facebook.

Mais de Futebol Internacional



VerMatéria Original

Publicado em

artigos RECOMENDADOS

Aplicativos para Simular Maquiagem

Se você gosta de testar diferentes looks e estilos de make, você está no...

Melhores Apps de Bate-papo e Namoro para Pessoas com Mais de 50 Anos

Encontrar conexões significativas é importante em qualquer fase da vida. Para pessoas com mais...

Aplicativo Manual do Eletricista

No mundo moderno, a eletricidade é essencial em nossas vidas diárias, e saber lidar...