De 22 a 28 de maio: começa uma nova versão do Arica Barroca Festival | Artes e Cultura

spot_img

O Festival Arica Barroca comemora 10 anos celebrando a cultura e a identidade andina do sul, preservada pelas comunidades indígenas e rurais do norte do Chile, sul da Bolívia e Peru. Para esta nova edição, que acontecerá de 22 a 28 de maio, é apresentada uma programação repleta de panoramas para percorrer a região de Arica e Parinacota junto com diversas atividades artísticas.

Concertos, exposições de arte, feira de negócios com identidade regional, palestras, mediações artísticas e uma viagem às localidades de Chapiquiña e Pachama, fazem parte dos panoramas que Arica Barroca programou para este ano.

Sob o tema: o doméstico e o sagrado, o festival investiga objetos do cotidiano que se apresentam como tesouros culturais, onde os saberes ancestrais são preservados em sua arte e manufatura.

“O festival comemora seus primeiros dez anos de história, percorrendo a região de Arica e Parinacota com uma programação que tem forte ênfase na intergeracionalidade e na arte produzida por mulheres no Peru, Bolívia e Chile. O Arica Barroca é um evento interdisciplinar, onde coexistem as artes visuais, musicais, cênicas e literárias, sempre em diálogo com as práticas culturais presentes nas comunidades sul-andinas”, afirma Ricardo Rodríguez, diretor do festival.

Arte e cultura para todos os públicos

Entre os dias 22 e 28 de maio, Um destacado grupo de artistas de diferentes disciplinas visitará a região de Arica e Parinacota para compartilhar seus trabalhos, entre eles, Venuca Evanán, destacado criador peruano que preserva uma técnica de arte pictórica sobre mesas de maguey ou salgueiro, tradicional do distrito de Sarhua em Ayacucho, Peru.

Venuca é apresentada como a Artista do Ano no X Arica Barroca, contribuindo para “a visibilidade da mulher andina migrante, da mulher sarhuina, seus acontecimentos, suas queixas e seus sonhos”, explica o artista. “O que estamos passando nos últimos meses como país foi muito chocante para mim. Então, me chamarem para Artista do Ano é, para mim, uma reivindicação do nosso valor como peruanos”, comenta Venuca Evanán.

A galeria de arte da Casa de la Cultura Ex Aduana apresentará a arte colorida, design e fotografia com identidade andina de Yaroslav Riquelme de Arica, parte do coletivo Cholita Chic. Por sua vez, a artista visual boliviana Adda Donato apresenta a natureza animal do homem em “O Grande Teatro do Mundo”. Já a fotografia de Sharon Castellanos, destacada criadora da nova geração de artistas peruanos, com uma linguagem surreal, retrata o cotidiano de seu país.

Na galeria San Marcos, a exposição fotográfica de Liz Tasa documenta sutilmente a dura realidade das mulheres peruanas que sofreram esterilização forçada. Finalmente, Rodrigo Villalón, promotor do patrimônio cultural da região de Arica e Parinacota, apresenta a resistência cultural aimará na cidade.

conversas

Para quem quer conhecer o histórico da obra de Venuca e as mesas de Sarhua, o artista fará uma palestra gratuita na segunda-feira, 22 de maio, no Ex Aduana. Durante a semana do festival, também haverá palestras com Laura Fahrenkrog, José Miguel Arellano, Diego Melo e Magdalena Pereira do Centro de Pesquisa do Patrimônio da Universidade Adolfo Ibáñez.

Educação Artística e Feira Sarañani!

Desde a sua criação, Arica Barroca inclui na sua programação um espaço dedicado à Educação Artística. Nesta nova edição, no dia 25 de maio, artistas da educação se encontrarão no Cecrea Arica para discutir as práticas pedagógicas que unem arte e tecnologia. Também haverá encontros relacionados às artes e criatividade na Escuela República de Francia no dia 26 e um encontro de Medicina Feminina, no dia 27, na Plaza Colón.

Como todos os anos, a Feira Sarañani! Você estará compartilhando o trabalho de diferentes empreendimentos com identidade local e regional. Graças a uma aliança com a Sercotec, a feira estará aberta ao público de 25 a 28 de maio na Plaza Colón de Arica. Este espaço também terá uma amostra de roupas de arte têxtil de 14 mulheres tecelãs da comuna de General Lagos, através da passarela Qaytumpi.

artistas de colagem arica barroco
cedido

Música no Barroco Arica

A música é um componente incontornável do Festival de Arte Andino Sul, este ano o programa inclui shows com renomados artistas locais e internacionais. Nesta ocasião, a cantora peruana, vencedora do Festival Viña 2023 e gerente da fusão musical pop andina, Milena Wharton será a grande convidada para fechar um show que acontecerá em frente à Catedral de San Marcos na sexta-feira, dia 27 de maio. Este mesmo palco contará com a apresentação de um concerto criado para o festival por um destacado grupo de artistas aricanos, entre eles, Paulina Camus, Claudia Parra, Catalina Martínez e Magdalena Opazo, acompanhadas por oito destacados instrumentistas da região.

“Achamos importante trabalhar de forma colaborativa para o desenvolvimento da criação artística em Arica e Parinacota, fortalecendo uma abordagem de gênero e agregando disciplinas artísticas, música e dança de forma interdisciplinar para fazer um espetáculo com cunho regional”diz Kateryn Garzón.

Para fechar esta semana que celebra a cultura andina, no domingo, 28 de maio, o charanguista de Codpeño se apresentará Martín Romero e a banda Wayna Payachatas na cidade de Pachama, enquanto a Banda Santa Cecilia se despedirá do festival da Catedral de Arica.

Uma viagem inesquecível pela região

Entre o doméstico e o sagrado coexistem tesouros da arte e da cultura andina meridional, e é justamente nesses territórios, nas alturas da região de Arica e Parinacota, que Arica Barroca busca chegar para celebrar. O festival convida você a viajar e visitar a cidade de Codpa, onde haverá palestras, contação de histórias e apresentação musical dentro de seu templo. Mais tarde, haverá uma visita às cidades de Chapiquiña e Pachama.

O X Festival de Arte Barroca Arica Sul-Andina 2023 acontecerá entre segunda-feira, 22 e domingo, 28 de maio, terminando no âmbito do Dia do Patrimônio. Para se inscrever nas atividades, e rever todo o programa do festival, pode entrar no site oficial do Arica Barroca.

Arica Barroca é um projeto da Fundação Altiplano, e faz parte do Programa de Apoio a Entidades Culturais Colaboradoras do Ministério da Cultura, Artes e Patrimônio, que busca fortalecer e dar continuidade a instituições e organizações culturais de direito privado e sem fins lucrativos. lucro.

Published on

últimos artigos

Aplicativos para ler livros grátis

Atualmente, a chance de ler livros grátis se tornou mais acessível do que nunca. Com...

Como Assistir Novelas com Aplicativos?

Você já imaginou poder assistir novelas com aplicativos a qualquer hora e em qualquer...

Aplicativos para Assistir Novelas Turcas

Se você é fã das emocionantes novelas turcas, sabe o quanto é importante ter...

Apps Grátis para Ouvir Rádio Ao Vivo

Você adora ouvir rádio ao vivo e quer saber como sintonizar as suas estações...

artigos RECOMENDADOS

Aplicativos para ler livros grátis

Atualmente, a chance de ler livros grátis se tornou mais acessível do que nunca. Com...

Como Assistir Novelas com Aplicativos?

Você já imaginou poder assistir novelas com aplicativos a qualquer hora e em qualquer...

Aplicativos para Assistir Novelas Turcas

Se você é fã das emocionantes novelas turcas, sabe o quanto é importante ter...