demanda firme e menor safra nos EUA sustentam Chicago

spot_img

A sexta-feira fechou com preços em forte alta, ampliando os ganhos semanais para mais de 2%, nos contratos futuros da soja negociados na Bolsa de Mercadorias de Chicago (CBOT). Os sinais de demanda pelo produto dos Estados Unidos e o impacto positivo do relatório de ontem do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) asseguraram os bons ganhos, apesar da redução da estimativa de produção.

Pelo sétimo dia útil seguido, o USDA anunciou vendas por parte de exportadores privados. Hoje, foram mais 126 mil toneladas toneladas para a China e 326,2 mil toneladas para destinos não revelados.

Os agentes também seguiram avaliando o relatório de agosto do Departamento, divulgado ontem e que indicou safra dos Estados Unidos menor do que o esperado.

Para a próxima semana, dois pontos merecem atenção: o esmagamento de soja de julho dos Estados Unidos, que será anunciado na segunda, e os resultados da tradicional Crop Tour, realizada pela Pro Farmer. Durante toda a semana, as equipes divulgarão análises nos principais estados produtores. Os
números finais serão disponibilizados na sexta, 20.

Os contratos da soja em grão com entrega em setembro fecharam com alta de 26,00 centavos de dólar por bushel ou 1,93% a US$ 13,73 por bushel. A posição de novembro teve cotação de US$ 13,65 por bushel, com ganho de 24,00 centavos ou 1,78%.

Nos subprodutos, a posição de setembro do farelo fechou com alta de US$ 2,40 ou 0,67% a US$ 357,60 por tonelada. No óleo, os contratos com vencimento em setembro fecharam a 63,72 centavos de dólar, ganho de 1,47 centavo ou 2,36%.

Soja no mercado físico

Com a boa alta de Chicago, os preços da soja tiveram ganhos consistentes nas principais praças do país e houve uma melhora na negociação. “Os produtores aproveitaram e retornaram ao mercado. Ao menos 100 mil toneladas trocaram de mão hoje”, calcula o analista da Safras & Mercado, Evandro Oliveira.

Em Passo Fundo (RS), a saca de 60 quilos subiu de R$ 167,50 para R$ 170. Na região das Missões, a cotação avançou de R$ 166,50 para R$ 169. No porto de Rio Grande, o preço aumentou de R$ 170,50 para R$ 174.

Em Cascavel, no Paraná, o preço passou de R$ 166 para R$ 168,50 a saca. No porto de Paranaguá (PR), a saca subiu de R$ 170 para R$ 173.

Em Rondonópolis (MT), a saca avançou de R$ 174 para R$ 175. Em Dourados (MS), a cotação passou de R$ 160 para R$ 161. Em Rio Verde (GO), a saca aumentou de R$ 170 para R$ 172.

VerMatéria Original

Published on

últimos artigos

Aplicativos para ler livros grátis

Atualmente, a chance de ler livros grátis se tornou mais acessível do que nunca. Com...

Como Assistir Novelas com Aplicativos?

Você já imaginou poder assistir novelas com aplicativos a qualquer hora e em qualquer...

Aplicativos para Assistir Novelas Turcas

Se você é fã das emocionantes novelas turcas, sabe o quanto é importante ter...

Apps Grátis para Ouvir Rádio Ao Vivo

Você adora ouvir rádio ao vivo e quer saber como sintonizar as suas estações...

artigos RECOMENDADOS

Aplicativos para ler livros grátis

Atualmente, a chance de ler livros grátis se tornou mais acessível do que nunca. Com...

Como Assistir Novelas com Aplicativos?

Você já imaginou poder assistir novelas com aplicativos a qualquer hora e em qualquer...

Aplicativos para Assistir Novelas Turcas

Se você é fã das emocionantes novelas turcas, sabe o quanto é importante ter...