No Uruguai, Athletico-PR vence o Peñarol na semi da Sul-Americana

spot_img

Anúncios

O Athletico deu um passo enorme para alcançar a final da Copa Sul-Americana. Nesta quinta-feira (23), em Montevidéu, derrotou por 2 a 1 o Peñarol, no Estádio Campeón del Siglo, no primeiro duelo da semifinal. Os gols do Furacão foram pinturas: uma bicicleta de Terans e uma bomba de Pedro Rocha de fora da área. O goleador Álvaro Martínez, principal revelação do futebol uruguaio nos últimos anos, fez o gol do Peñarol.

Sul-Americana: Bragantino vence Libertad e abre vantagem na semifinal

O jogo teve Lei do Ex: Terans defendia o Peñarol antes de acertar com o Furacão. E a vitória faz o time jogar por um empate, ou mesmo derrota por 1 a 0, para garantir vaga na final para buscar o bi – o time brasileiro foi campeão em 2018. O Peñarol tem de vencer por dois gols, ou um gol a partir de 3 a 2, para seguir sonhando com o único título que ainda não possui. Triunfo do Peñarol por 2 a 1, pênaltis. O vencedor enfrentará Bragantino ou Libertad-PAR (na ida, Braga 2 a 0).

Pedro Rocha vibra após fazer o gol da vitória do Athletico sobre o Peñarol, em Montevidéu – Divulgação/CONMEBOL Sudamericana

O JOGO
O Athletico abriu o placar no primeiro minuto de jogo. Após roubar a bola, Nikão e Zé Ivaldo fizeram a jogada que chegou até Terans, que mandou de bicicleta o cruzamento da direita.  O Penãrol foi para cima e empatou numa jogada de raça de Álvaro Martínez, que chutou duas vezes para igualar o placar e fazer o seu décimo gol na competição (é o artilheiro). O Peñarol seguiu melhor, mas o Furacão sustentou o empate até o intervalo.

Na etapa final, o jogo foi equilibrado, com o Peñarol mais ofensivo. Porém a defesa atleticana estava bem postada e segurou o ímpeto uruguaio. E o melhor: após uma falta de Nikão que deu rebote, Pedro Rocha pegou de fora da área para fazer um golaço, o seu primeiro com a camisa do Athletico. Aí segurou o resultado. Mas quase o Peñarol empatou. Santos fez grande defesa em chute de Facundo Torres nos acréscimos.

PEÑAROL 1 x 2 ATHLETICO-PR
Copa Sul-Americana – Semifinal (jogo de ida)
Estádio Campeón del Siglo, Montevidéu (URU)
PEÑAROL: Dawson, Gio González, Carlos Rodríguez, Kagelmacher e Juan Ramos (Valentin Rodríguez, no Intervalo); Trindade (Musto, aos 15’do 2ºT), Gargano (Gapitan, aos 23’do 2ºT) e Ceppellini (Nahuelpan, aos 38′ do 2ºT); Canobbio (Laquintana, aos 39′ do 2ºT) , Álvaro Martinez  e Facundo Torres. Técnico: Mauricio Larriera.
ATHLETICO-PR: Santos, Pedro Henrique, Thiago Heleno e Zé Ivaldo; Marcinho (Christian, aos 35’do 2T) , Richard (Leo Cittadini, aos 11’do 2T) , Erick e Abner (Nicolas, aos 18’do 2T) ; David Terans (Pedro Rocha, aos 18’do 2T) , Nikão e Bissoli (Kayzer, aos 35’do 2T) . Técnico: Bruno Lazaroni*
Gols: Terans, a 1’do 1ºT (0-1); Álvaro Marínez, aos 21’do 1ºT (1-1); Pedro Rocha, aos 29’do 2ºT (1-2)
Árbitro: Diego Haro (PER)
Assistentes: Jonny Bossio (PER) e Michel Orue (PER)
VAR: Victor Carrillo (PER)
Cartões Amarelos:  Alvaro Martínez, Valentium Rodríguez (PEN) Erick, Richard, Nicolas. Leo Cittadini (ATH)

Siga o Jogada10 nas redes sociais: Twitter, Instagram e Facebook.

Mais de Futebol Internacional



VerMatéria Original

Publicado em

artigos RECOMENDADOS

Aplicativos para Simular Maquiagem

Se você gosta de testar diferentes looks e estilos de make, você está no...

Melhores Apps de Bate-papo e Namoro para Pessoas com Mais de 50 Anos

Encontrar conexões significativas é importante em qualquer fase da vida. Para pessoas com mais...

Aplicativo Manual do Eletricista

No mundo moderno, a eletricidade é essencial em nossas vidas diárias, e saber lidar...