Confrontos em protesto contra restrições sanitárias Alemanha

Publicidade

Milhares saíram às ruas de Berlim, capital da Alemanha, em protesto contra as medidas restritivas sanitária adotadas em meio à pandemia de coronavírus.

Os cidadãos ignoraram a proibição de se manifestarem e protestaram nas ruas da capital alemã, o que ocasionou confrontos com as forças de segurança.

As Forças Armadas afirmaram que alguns manifestantes “agrediram e atacaram” seus agentes no bairro de Charlottenburg, no oeste de Berlim.

Tentaram romper o cordão policial. Isso levou ao uso de gases irritantes, cassetetes e violência física“, tuitou a polícia de Berlim, destacando que várias pessoas foram detidas.

A manifestação foi convocada pelo movimento “Querdenker” (“Livres pensadores”, em tradução livre), principal voz crítica às restrições sanitárias na Alemanha.

VerMatéria Original

Popular